COMPARTILHAR

Um confronto entre a polícia e apoiadores do líder da oposição, Raila Odinga, terminou com dois mortos, em Nairobi, no Quênia, nesta sexta-feira (17).Um fotógrafo da Reuters relatou que as mortes ocorreram quando policiais e manifestantes se enfrentaram em uma das principais estradas da capital queniana.Os policiais buscavam impedir que um comboio com Odinga chegasse ao principal distrito de negócios da capital e usou gás lacrimogêneo e canhões de água para dispersar o grupo.Os seguidores de Odinga haviam comparecido ao aeroporto internacional Jomo Kenyatta, de Nairobi, para recebê-lo após uma excursão pelo exterior.Após a recepção, a intenção era acompanhar seu líder até o centro da cidade para realizar um comício, mas a polícia impediu o ato lançado bombas de gás lacrimogêneo e disparando, segundo relatos, munição real contra os manifestantes.Odinga se recusa a aceitar os resultados da repetição das eleições presidenciais realizada no último dia 26 de outubro, na qual o atual presidente, Uhuru Kenyatta, conseguiu mais de 98% dos votos após o líder opositor anunciar sua retirada e pedir a seus eleitores que boicotassem a votação.Apesar de a coalizão dirigida por Odinga, a Super Aliança Nacional, não ter apresentado um recurso perante o Tribunal Supremo, outras organizações e indivíduos entraram com uma ação judicial. A principal corte do país deve realizar uma audiência a respeito na próxima segunda-feira (20).

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA