COMPARTILHAR

Ipem-ES fiscaliza mais de 2,2 mil tacógrafos nesta semana
O Instituto de Pesos e Medidas (IPEM-ES) realizou uma nova operação de fiscalização
de cronotacógrafos, mais conhecidos como tacógrafos, nesta semana.
A ação aconteceu de segunda (20) a sexta-feira (24), no posto da Agência Nacional de
Transporte Terrestre (ANTT) de Rio Novo do Sul. Foram fiscalizados 2.287 tacógrafos e
realizadas 107 autuações.
Com esta ação, o IPEM-ES já soma 30.668 veículos fiscalizados em 2017 e 1760
autuações, ou seja, 5,74% de irregularidades.
O que é o tacógrafo
O tacógrafo é um instrumento que indica e registra dados importantes sobre a
condução dos veículos, como distância percorrida, tempos de parada, direção e
velocidade desenvolvida.
Seu uso é obrigatório em veículos de transporte escolar ou de passageiros com mais de
10 lugares; de carga com peso bruto total superior a 4.536 kg; de transporte de
produtos perigosos e tratores de roda, esteira ou misto que desenvolvam velocidade
acima de 60 km/h.
Além do uso obrigatório, o tacógrafo deve passar por verificação metrológica realizada
pelo Ipem-ES e por postos autorizados pelo Instituto Nacional de Metrologia,
Qualidade e Tecnologia (Inmetro) no Estado.
O Ipem-ES orienta os proprietários dos veículos em situação irregular a submeter os
instrumentos ao ensaio metrológico obrigatório, a fim de garantirem o cumprimento
da legislação e evitarem penalidades.
Os proprietários notificados têm até dez dias para apresentar defesa ao Instituto. A
multa varia de R$ 600 a R$ 15 mil.

 

Mais informações podem ser obtidas no site do Ipem-
ES: https://ipem.es.gov.br/controlemetrologico#cronotacografo

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA